O desafio que resultou numa nova solução no Metro Estocolmo

 

A empresa de Transportes Públicos de Estocolmo (SL) produziu uma especificação dos requisitos para a produção de novas luminárias e Aura Light aceitou o desafio. “Como resultado, o ambiente de trabalho tornou-se mais seguro para o pessoal da SL”.

 

 

O Metro de Estocolmo irá em breve comemorar 60 anos de existência. Este meio transporta cerca de um milhão de pessoas entre 100 estações em três linhas de metro. A iluminação existente no metro tinha já cerca de 30 anos e estava um pouco deteriorada. A SL – Transportes Públicos de Estocolmo – precisava de ajuda com novas luminárias e contatou a Aura Light.

O desafio que resultou numa nova solução da Aura Light

A SL já havia produzido uma especificação dos requisitos para a produção de novas luminárias. O objetivo era encontrar um conceito Long Life. Alguns dos requisitos envolviam um conceito eficiente, pois todos os túneis do sistema de metro de Estocolmo necessitavam de uma nova iluminação. Isto significava a entrega e a instalação de 17.000 luminárias e 300 km de cabos, entre 2009 e 2012. Outras exigências eram evitar a substituição de lâmpadas fluorescentes; a personalização do ambiente, ou seja, ser capaz de lidar com temperaturas de -20°C a +25°C; evitar a necessidade de ferramentas para substituições; e que os equipamentos fossem fornecidos em conjuntos completos com tubo fluorescente, cabo e fichas. A construção de uma luminária à prova de poeiras e água foi também necessária.

A SL contactou vários fornecedores de lâmpadas fluorescentes pedindo-lhes para produzir um protótipo. A Aura Light aceitou o desafio. Nenhum outro fabricante de iluminação esteve interessado. O desafio resultou numa nova solução de iluminação – a luminária Aura Quick Change Long Life.

A solução que cumpre os requisitos

“A nova iluminação dura pelo menos três vezes mais do que os produtos convencionais no mercado. O dispositivo é fácil de ajustar e mudar graças a um clique único para a fixação. A SL reduziu ainda o trabalho nocturno e o uso de escadas desnecessário. Como resultado, o ambiente de trabalho é mais seguro para o pessoal da SL “, diz Thomas Kari, Gerente de Projetos na SL.

O risco de ofuscamento para os motoristas do metro é reduzido porque a iluminação tem um ângulo aberto e é sem cintilação. Como as luminárias são desenvolvidos para ambientes difíceis, como túneis, estas cumprem a exigência da SL para ser à prova de poeira e jatos de água suportando limpezas. As lâmpadas fluorescentes precisam de ser trocadas apenas a cada sete anos, o que permite a redução do impacto ambiental do transporte, etc, sendo ainda as luminárias reais recicláveis.